CannX estreia-se em Lisboa a 12 e 13 de Fevereiro

CannX estreia-se em Lisboa a 12 e 13 de Fevereiro

Depois de Telavive e São Paulo, a conferência internacional sobre canábis medicinal CannX chega a Portugal nos próximos dias 12 e 13 de Fevereiro, na Feira Internacional de Lisboa (FIL). Aos profissionais de saúde que participarem, serão atribuídos 14 créditos CME – Continuing Medical Education, ou Formação Médica Continuada.

Segundo a organização do evento, a CannX pretende ser um ponto de encontro global para a colaboração entre todas as partes interessadas na indústria da canábis. O evento vai trazer a Portugal dezenas de oradores internacionais, entre profissionais de saúde, agricultores, empreendedores e investidores, para partilhar conhecimento sobre os mais recentes desenvolvimentos, inovações e oportunidades no âmbito da canábis medicinal.

As palestras irão apresentar os mais recentes desenvolvimentos científicos e as oportunidades de crescimento na área da canábis medicinal, incluindo novos usos terapêuticos, quadros regulamentares, investimentos e tecnologia avançada, entre outros.

O programa da conferência inclui os seguintes temas em debate:

  • O Sistema Endocanabinóide como alvo emergente da Farmacoterapia
  • Nova Pesquisa Clínica em doenças como a Demência, Autismo, Diabetes, Síndrome de Tourette e patologias Cardiovasculares
  • Entrar na Indústria Farmacêutica – Como Atender aos Princípios Farmacêuticos
  • Métodos de Administração e Dosagem
  • Como regular a Canábis Medicinal para a Segurança e Satisfação das Políticas Públicas, da Indústria e dos Pacientes
  • Tecnologias Avançadas de Crescimento – incluindo Tecnologias de Cultura de Tecidos e de Crescimento Vertical
  • Controlo e Teste de Plantas: Como Produzir Culturas com Alta Qualidade

Além da conferência, haverá também um curso médico de um dia intitulado “Introdução à Endocanabinologia e Canábis para fins Medicinais”, indicado para quem quiser obter informação mais detalhada sobre as diversas aplicações da canábis medicinal e aprender sobre a fisiologia do sistema endocanabinóide.

Para Raquel Peyraube, coordenadora da CannX Lisboa, “existem muitos eventos sobre canábis medicinal, mas nenhum reúne um ecossistema inteiro de dois dias intensivos de aprendizagem, networking e partilha de ideias. A CannX oferece cursos para médicos e cientistas, agrónomos e empresários, bem como para agricultores e produtores”.

A CannX é realizada em parceria com a Cann10, uma empresa israelita que faz investimentos no âmbito da canábis medicinal, como startups, Investigação & Desenvolvimento, cultivo e formação.

O programa completo da CannX Lisboa encontra-se em https://lisbon.cannx.org/.

O registo no evento está disponível até dia 5 de Fevereiro e deverá ser feito na página oficial da conferência.